Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um café e duas natas.

Um local onde se escreve por gosto, por terapia.

Um local onde se escreve por gosto, por terapia.

Um café e duas natas.

29
Nov17

Frustração!

1cafe2natas

Gosto  de escrever no blog, maioritariamente, é quando estou triste. Perdoem-me aqueles que acham isso uma chatice, que se deve escrever também sobre alegrias e patati patatau mas, eu sou assim. O que me alegra guardo cá dentro para não fugir e o que me entristece, escrevo sobre, para que me fuja entre os dedos e liberte a alma. 

Portanto, estou triste! Com um trabalho da universidade para fazer e, sentindo-me incapaz! Leio 50 páginas e o que li varre-se da memória. Tenho de ler de novo e de novo e nada! Anotações não chega porque tenho que desenvolver imenso sobre aquilo que estou a ler. Tenho dedicado dias inteiros a isso e estou na estaca zero.

Apetece-me fechar num quarto escuro e gritar de frustração!

19
Nov17

Qual a relação entre os meus estudos e o meu gato?

1cafe2natas

 

23758088_1334524040008089_971474612_n.jpg

 Não gostas de política? Ainda bem dona porque eu brinco e fico muito mais feliz em cima dos teus livros. 

Política dá-te sono? Ainda bem dona porque por cada rabada que me deres sempre te distrais. 

Ok, vou sair de cima dos livros, já entendi! 

O íman do frigorífico é bonito!

Vai para o chão!

Aí a mesa da cozinha é grande...deixa-me dormir aqui e encher isto de pêlo...

Pocachim saí daí já te avisei! 

Deixa isso! Já te mandei! 

 

E é isto...folia!

Aí tão chata que ela está.

13
Nov17

Filme: 100 metros

1cafe2natas

O filme 100 metros é um filme verídico, é a prova de que tudo na vida é possível com muita coragem e perseverança, é a prova de que quando temos ao nosso lado o suporte necessário e o amor verdadeiro, não há nada que nos pare. Ramon fez primeiro 100 metros, depois, enfrentou obstáculos, pessoas reticentes quando a ser possível que ele fizesse o triatlo e encontrou também quem acreditasse mas, foi a sua força, coragem e persistência que lhe fizeram atingir o seu objectivo. Depois, a vida trocou-lhe as voltas mas o que interessa é que conseguiu. E sendo o filme inspirado numa história verídica, arrisco-me a dizer: querer é poder! Sabendo também que, nem tudo na vida depende exclusivamente de nós. Existem "os outros" que a condicionam. 

 

transferir.jpg

12
Nov17

Medos.

1cafe2natas

Não me tenho sentido bem.

Olho para a conta bancária e stresso se gasto 20€ mesmo que o faça para comprar pão e leite.

Porque deprimo? Porque o dinheiro sai e não entra.

Porque quero trabalhar mas, com limitações físicas é difícil conseguir trabalho.

A universidade? Vai que é um mimo. Faltam-me 6 cadeiras para terminar mas...parecem 16. 

Esforço-me para estudar, para cruzar dados...mas...memorizar não consigo. E essas cadeiras não exigem apenas entendimento mas a memorização de conceitos...

Sinto-me triste, cansada e com a sensação de que vou falhar redondamente (nisto) em tudo.

Eu sei do que sou capaz e não me estou a ver capaz de derrotar essas 6 cadeiras e de parar de stressar com o dinheiro gasto. Tenho medo de estar a desperdiçar o meu tempo e dinheiro em algo que nunca vou atingir.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D